2022 – Uma nova perspectiva para o Instituto i3G

A ciência vem desvendando os mistérios da vida por muitos séculos, refletindo as alterações que ocorrem na sociedade em que está inserida. A recente Pandemia do Coronavírus gerou impactos econômicos, sociais, emocionais e evolutivos de forma nunca antes vivenciada pela humanidade. Atravessar esses desafios que a vida tem apresentado está exigindo da ciência uma conexão maior com as outras áreas do conhecimento como a arte, a filosofia, a mitologia, a religião e principalmente o senso comum. Questões como a fé e a cura, sempre desafiaram a ciência. E este será o desafio do Instituto i3G para os próximos anos, através da Neurociência e da Engenharia da Paz.

A Neurociência permitirá uma visualização mais ampla sobre o ser humano como um todo. A Engenharia da Paz fornecerá um norte ético de atuação dos pesquisadores na pesquisa acadêmica. Serão ferramentas de cura e fé na humanidade.

A partir de agosto, o blog do Instituto i3G, dará espaço para aqueles profissionais que foram além do exercício da sua profissão e passaram a olhar o outro como indivíduo no seu aspecto mais amplo, além do fornecimento do serviço como cliente. Nesse ciclo de informações, nossa primeira fase será o relato no blog do momento de descoberta da energia da cura. Uma ampla gama de profissionais apresentarão esses relatos. No aspecto da ciência, buscaremos a formalização de um conhecimento de outras áreas que convergem com essas diversas profissões e buscam melhorar a vida de indivíduo e em consequência da sociedade. Uma verdadeira interação da mente e do cérebro.

Caridade, amor e cura são ações que necessitamos despertar nesse mundo pós-covid.

Nosso objetivo é trazer a público que a ciência também pode curar, com conhecimento e metodologia. Esse é o nosso desafio institucional. Conhece um profissional assim? Entre em contato, vamos compartilhar sua história.

Veja nossa primeira experiência: Cura, neurociência e engenharia de ontologias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.