Pesquisadores do i3G concluem curso internacional

Pesquisadores concluiram o Programa formativo de los Expertos Asesores del proyecto “El Ciudadano y el Gobierno Electrónico en las Américas

Cláudia Bueno, Iara Zotti, Sonali Bedin e Thiago Paulo, todos pesquisadores do i3G, concluiram o curso de formação Expertos Asesores (EA) referentes a chama pública internacional “El ciudadano y el gobierno electrónico en las Américas”. O curso foi desenvolvido pela Red Interamericana de Formación en Gobierno Electrónico (RIF-GE) del Colegio de las Américas (COLAM) de la Organización Universitaria Interamericana (OUI-IOHE), sendo parte integrante da chamada pública internacional “O Cidadão e o Governo Eletrônico nas Américas”, organizada pelo Centro Internacional de Pesquisas para o Desenvolvimento (IDRC) – Montreal, no Canadá, em colaboração com a Organização dos Estados Americanos (OEA) – Washington D.C, EUA e a Organização Universitária Interamericana (OUI) – Quebéc, no Canadá.

Os pesquisadores cursaram durante 45 dias um módulo de ensino a distância oferecido pelas instituições, que ofertaram o curso com o objetivo de alinhar os objetivos dos projetos aprovados na chamada pública com a estratégia de disseminação do governo eletrônico, pelas instituições promotoras, para toda a América Latina.

Ao todo, o curso foi dividio em 4 unidades, sendo elas:

Unidad 1: El papel de los “Expertos-Asesores” en el proyecto “El ciudadano y el gobierno electrónico en las Américas”

Unidad 2: Liderazgo y gobernabilidad: conduciendo procesos de cambio

Unidad 3: Políticas públicas vinculadas al desarrollo deSociedades de la Información y el Conocimiento

Unidad 4: Introducción a la Evaluación Evolutiva (EE)

Ao final do curso os pesquisadores, juntamente com a coordenadora do projeto, Tânia Bueno, elaboraram um cronograma de atividades detalhado para a execução do projeto. Da mesma forma, alinharam os objetivos do projeto com o objetivos da chamada pública.

Após as formatações finais, o projeto foi denominado de: “Projeto mGOV2: Promoção do envolvimento do cidadão no desenvolvimento de políticas públicas com o apoio de Redes Sociais e Dispositivos Móveis – um modelo para a America Latina e Caribe”, tendo como objetivo promover o envolvimento do cidadão no desenvolvimento de políticas públicas, definindo um modelo tecnológico baseado em redes sociais e dispositivos móveis como instrumento de apoio à elaboração de políticas públicas nas esferas municipal, estadual e federal como instrumento de fortalecimento da cidadania em países da América Latina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.